A hipertensão arterial é uma doença crônica, porém pode ser amenizada de acordo com os hábitos do hipertenso. Saiba um pouco mais a seguir!

Você anda sentindo muita dor de cabeça? Sabia que esse é um sintoma significativo da hipertensão arterial? Conheça um pouco mais sobre a doença e também algumas dicas para combatê-la no decorrer deste texto. Acompanhe:

Sobre a Hipertensão Arterial

Mais conhecida como “pressão alta”, a hipertensão é uma disfunção no sistema circulatório que faz com que a pressão das artérias aumente. Esse desequilíbrio é um dos maiores responsáveis pelo desenvolvimento de doenças cardíacas.

Trata-se de uma condição que provoca variados distúrbios no organismo humano. Sem a devida prevenção e um acompanhamento terapêutico, a hipertensão é capaz de gerar danos no cérebro, nos rins e no coração.

Infelizmente, a pressão alta não tem cura. Contudo, é possível ter um controle sobre a doença, principalmente praticando e mantendo hábitos saudáveis.

Sintomas

  • Dor de cabeça;
  • Falta de ar;
  • Visão borrada;
  • Zumbido no ouvido;
  • Tontura;
  • Dores no peito.

Entretanto, para ser considerado hipertenso, a pressão arterial, na maior parte do tempo, se apresenta maior ou igual a 14 mmHg por 9 mmHg. Mais do que isso, os riscos de doenças cardiovasculares aumentam substancialmente. Sua medição é feita pelo esfigmomanômetro, e o ideal é entre 8 mmHg, o conhecido 12 por 8.

Prevenção e tratamento

Para o tratamento da hipertensão é imprescindível que o estilo de vida do portador seja modificado. Além da ingestão de medicamentos, é possível controlá-la com a abdicação do tabagismo, reduzindo o consumo de álcool, controlando o peso corporal e, como falamos anteriormente, mantendo hábitos saudáveis.

Mas, quais seriam estes hábitos saudáveis? Simplesmente, a prática de atividades físicas e uma dieta alimentar balanceada já são significativas para o controle da hipertensão.

Redução do consumo de álcool

Estudos relevantes para a área já comprovaram que a redução do consumo de álcool diário apresenta queda na pressão arterial e um avanço aparente na saúde em se tratando de morbidade, mortalidade e custos com a saúde no geral.

Isso quer dizer que o alto consumo de álcool tem relação expressiva com a hipertensão. O recomendado pelos órgãos de saúde é limitar o consumo a no máximo 30 ml por dia para homens e 15 para mulheres.

Controle do peso

O excesso de peso é outro fator extremamente relacionado com a hipertensão arterial. Em outras palavras, é comprovado que pessoas que começam a manter novos hábitos alimentícios e atividades físicas regulares conseguem efetivamente diminuir seus níveis de pressão arterial, com IMC inferior a 25kg/m2.

Ou seja, portadores de hipertensão precisam manter uma rotina de exercícios físicos para reduzir os riscos que a doença provoca e ainda outras doenças associadas ao excesso de peso.

Alguns hábitos alimentares saudáveis também são indicados, como reduzir a quantidade de sal na hora de preparar um alimento, preferir temperos naturais como limão e ervas no lugar de industrializados e substituir doces por guloseimas in natura.

Quer mais dicas como essas? Preencha o formulário abaixo e receba mais novidades sobre saúde em primeira mão! Em caso de dúvidas, é só entrar em contato.